Chás: ótima opção, mas sem exageros!

Uma simples xícara de chá proporciona manutenção da saúde contra as agressões de diversas doenças, tonificam o organismo, auxiliam na digestão, protegem o fígado e o sistema endócrino. A maneira mais usual de preparação de chá é a infusão, onde se usa flores e talos das plantas. É um procedimento que conserva a maioria das propriedades químicas da planta.

Outro método no preparo do chá é a decocção onde são utilizadas as partes duras das plantas, como as cascas, raízes e sementes. Mesmo sendo muito utilizado tanto no inverno como no verão, os chás não devem ultrapassar 1 litro por dia e não deve-se abusar de determinadas ervas, pois o efeito benéfico poderá se tornar maléfico.

”Os chás são importantes, quando tomados de acordo com a necessidade de cada indivíduo e é fundamental ressaltar que não se deve fazer proveito das ervas sem o perfeito conhecimento de seus efeitos colaterais e da correta dosagem”, adverte Rosana.

Como podemos então fazer bom proveito das ervas?

Elaboramos um roteiro de chás e suas funções no organismo.

Chá verde: é interessante quando tomado morno, após as principais refeições (almoço e jantar). Estudos mostram que sua utilização ajuda a emagrecer, pois acerela o metabolismo. Ele é um coadjuvante quando se está fazendo tratamentos de gordura localizada e celulite.


Atenção: o chá verde não deverá ser tomado após as refeições em casos de anemia.

Nesses casos, consumir nos intervalos das refeições.

Chá de hortelã, menta, camomila, orégano ou carqueja: devem ser tomados próximo às refeições, pois ajudam a quem tem problemas estomacais ou difícil digestão. Um auxílio importante quando se exige tratamentos para diminuir a indesejável “barriguinha”.

Chás calmantes: só devem ser utilizados na hora de dormir. Sabemos que boas horas de sono, são importantes para a beleza da pele. Tomar sob orientação.

Chás estimulantes do apetite: devem ser utilizados pelo menos 30 minutos antes das refeições.

Para quem precisa engordar: chá de melissa e cravo diminuem a ansiedade.

Chá de gengibre: aumenta a atividade celular e imunológica e é bom para perder peso. É também antibacteriano e fungicida. O chá deve ser feito com apenas 3cm da raiz em 1 litro de água, ferver por 10 minutos, abafar mais 10 minutos e estará pronto para tomar.

Existe eficácia nos tratamentos estéticos quando a alimentação estiver presente e for corretamente aplicada. Sem levar em consideração que o álcool, excessos de gorduras, de café, de peso, de sal, de açúcar e o fumo são denominados ladrões de energia e comprometem o bem estar.


Share on Google Plus

Sobre Dica Certa

A Consciência do dever cumprido, infunde em nossa alma uma doce ALEGRIA.